A Hollywood negra construída em uma antiga base confederada do Exército

O maior estúdio de Hollywood pertence a um negro e foi  construído em uma antiga base confederada do Exército. 

O ator e cineasta Tyler Perry fez história ao ser o primeiro negro a possuir um grande estúdio de cinema. O Tyler Perry Studios é maior que o Burbank, na Califórnia, o Walt Disney Studios e o Paramount Studios da Warner Bros. E, além disso,  fez a “justiça poética” de construir o estúdio em uma base do exército confederado que apoiava o movimento escravagista nos EUA.

“Pense na justiça poética nisso”, disse ele. “O Exército Confederado está lutando para manter os negros escravizados nos Estados Unidos, lutando, estratégia, planejando exatamente isso. E agora esse terreno é de minha propriedade.”

A inauguração foi no último sábado, 05 de outubro de 2019, celebridades vieram comemorar o cortar da fita deste gigante estúdio na cidade de Atlanta.

Entre os convidados que participaram do evento histórico estavam Oprah Winfrey, Halle Berry, Whoopi Goldberg, Vanessa Williams, Beyoncé , Jay-Z , Kelly Rowland, Kelly Rowland, Michelle Williams, Tiffany Haddish, Storm Reid e muitos outros. Whoopi Goldberg disse:

“Por que demorou tanto tempo? “Por que ele foi o primeiro a conseguir? Agora ele é o homem que toma as decisões, escolhe os filmes e não precisa pedir nada a ninguém…”

Perry acumulou centenas de milhões de dólares através de receitas de bilheteria de filmes, bem como dos seus programas de televisão e peças de teatro.

Mas isso não é tudo: o escritor, diretor e ator de 50 anos acaba de construir um estúdio de cinema de 330 acres em Atlanta, apresentando uma dúzia de palcos sonoros com nomes de ícones negros de Hollywood. O diretor Spike Lee, que esteve presente no evento, foi homenageado por ter um estúdio de som com o nome dele. Todos os palcos dos Estúdios Tyler Perry receberam o nome de outros membros da comunidade negra que o inspiraram, incluindo Will Smith, Oprah, Denzel Washington e Cicely Tyson.

“Todos os negros que vêm trabalhar aqui dizem: ‘Oh, meu Deus, é o paraíso, estamos lá, estamos representados’. LGBTQ representado. Preto, branco, gay, hetero, tanto faz. Estamos todos representados, a trabalhar de mãos dadas, de braços dados”, afirmou Perry.

Da Redação do Afrokut

Comentários do Facebook
(Visited 29 times, 1 visits today)