Nota de repúdio ao ataque sofrido pela pesquisadora e professora Katiúscia Ribeiro

Durante a palestra: “A importância da Filosofia Africana no combate ao racismo estrutural“, realizada no dia 24 de março de 2021, aconteceu algo absurdo. O evento organizado pelo Centro Acadêmico de Filosofia (CAFil) da Unicamp, como abertura do ano letivo para a recepção dos calouros, a professora Katiúscia Ribeiro foi atacada por covardes anônimos durante a palestra “A importância da Filosofia africana no combate ao racismo estrutural

Nesse evento ocorreram invasões à sala de transmissão e atos de violência com diversos xingamentos racistas e sexistas. Inclusive, alguns falaram que ali não era seu lugar que o lugar de mulher é na cozinha e que merece ser estupradas e o pênis enfiado na garganta para se calar, sendo apresentado vídeos contendo imagens de estupros e mais xingamentos.

A caracterização explícita de um ataque de cunho racista e sexista, se evidencia quando se constata que a única mesa atacada foi a de uma mulher preta com abordagem em filosofia Africana e racismo estrutural.

Estamos em um tempo histórico de extrema vigília e controle. Os corpos de pessoas pretas são alvo constates das esferas genocidas do Estado. O ataque sofrido na Universidade Federal de CampinasUnicamp na mesa: “A filosofia Africana e o Racismo estrutural”, demostra a ferocidade do racismo e seus tentáculos na sociedade brasileira. Aliás, ataques como esse, apenas nessa mesa, afirmam como as estruturas filosóficas hegemônicas criam um modelo de sujeito universal que estrutura a realidade social desde sempre.

No entanto, a professora Katiúscia Ribeiro, em ato de resistência continuou, junto com o núcleo de consciência negra, abrindo outra sala de transmissão e realizando a sua palestra.


Conheça o Livro:Introdução ao Yoga Kemética

"Coleção de Ensinamentos da Sabedoria do Antigo Kemet".

Uma das práticas da Ciência Espiritual Kemética, conhecido nos tempos antigos como Sema Tawi (Yoga Kemética), também deve ser considerada como uma corrente universal da filosofia de autoconhecimento. SAIBA MAIS.


 

Atenção aos Racistas e Machistas: Mulheres pretas e seu povo não serão mais silenciadas.

Segue abaixo Nota Oficial da Unicamp, pelo Instituto de Filosofia e Ciências Humanas da Universidade Estadual de Campinas:

Nota de repúdio

À comunidade do IFCH-Unicamp,

A Direção do Instituto de Filosofia e Ciências Humanas da Universidade Estadual de Campinas e a chefia do Departamento de Filosofia se solidarizam com a pesquisadora e professora Katiúscia Ribeiro pelo ataque racista e sexista que sofreu de covardes anônimos durante a palestra “A importância da Filosofia africana no combate ao racismo estrutural”, realizada no dia 24 de março. O evento, organizado pelo O Centro Acadêmico da Filosofia (CAFil) e pela representação discente do curso de Filosofia era parte das atividades da Calourada 2021, com o tema “O Racismo Estrutural”.

Repudiamos veementemente este ato violento, perpetrado por pessoas que não aceitam a presença de mulheres, sobretudo de mulheres negras, em lugares de destaque na universidade pública, na docência e na pesquisa. Não é o primeiro ataque que sofremos, e provavelmente não será o último. O Instituto de Filosofia e Ciências Humanas reafirma sua vocação democrática e inclusiva e seu compromisso com a promoção da justiça e da igualdade social, racial e de gênero. Convocamos toda nossa comunidade somar-se ao repudio e a se manter alerta para impedir que episódios como esse voltem a se repetir e para que possamos criar um espaço virtual seguro para o desenvolvimento do pensamento crítico e a defesa dos valores que partilhamos.

Campinas, 20 de abril de 2021

Alvaro Bianchi

Diretor

Instituto de Filosofia e Ciências Humanas

Universidade Estadual de Campinas

Marco Ruffino

Chefe do Departamento de Filosofia

Instituto de Filosofia e Ciências Humanas

Universidade Estadual de Campinas

Do Afrokut

(Visited 42 times, 1 visits today)
Compartilhe Afrokut
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  
  •  Yum
  •  
  •  
  •  
  •  
Deixe um comentário